Google+ Followers

Total de visualizações de página

terça-feira, 31 de outubro de 2017

A CÂMARA MUNICIPAL DE ITAITUBA APROVOU UM PROJETO DE LEI QUE PROÍBE O CORTE DE ENERGIA ELÉTRICA NOS FINAIS DE SEMANA E VÉSPERA DE FERIADOS.

O OBJETIVO É EVITAR QUE FAMÍLIAS FIQUEM SEM LUZ EM CASA NO PERÍODO EM QUE NÃO TEM COMO CORRER ATRÁS DO RELIGAMENTO DA ENERGIA. 


O projeto de lei  aprovada na sessão da câmara semana passada, proíbe o corte de energia a partir do meio dia de sexta feira e do meio dia anterior aos feriados. De acordo com o Vereador Peninha a lei tem como objetivo evitar que famílias fiquem  sem energia nos finais de semana e feriados.

O relator da comissão de constituição, justiça e redação final da câmara deu parecer favorável ao projeto de lei que foi aprovado por unanimidade de votos.

Após aprovação na câmara, agora lei  segue para sanção do prefeito Valmir Clímaco, o vereador autor do projeto de lei acredita que será sancionada por ser constitucional.

Fonte: http://www.plantao24horasnews.com.br/ com informações do repórter Marinaldo Silva.

PF deflagra Operação Concisor em 5 cidades do Pará.

Marabá/PA – A Polícia Federal deflagrou, na manhã de hoje (31),  a Operação Concisor em 5 (cinco) cidades do interior do Pará: Marabá,  Parauapebas, Breu Branco, Canaã dos Carajás e Eldorado dos Carajás. Ao todo, estão sendo cumpridos 04 (quatro) Mandados de Prisão, 05 (cinco) Mandados de Busca e Apreensão e  06 (seis) Conduções coercitivas, bem como ordens judiciais de afastamento de servidores da função pública.

A Operação que contou com o apoio de informações do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (IBAMA), durante toda a investigação, tem entre os presos servidores do órgão ambiental que são suspeitos de repassar informações para madeireiras e outras pessoas fiscalizadas pela autarquia federal em troca de vantagens indevidas ou dinheiro em espécie. Os mandados de buscas estão sendo cumpridos em empresas suspeitas de pagar tais propinas. Ao todo, 60 policiais federais cumprem as ordens judiciais.

Os suspeitos irão responder por corrupção passiva, ativa e concussão e se condenados podem pegar penas de prisão de até 8 (oito) anos de reclusão, além de multa.

PS: CONCISOR significa cortar o mal, exterminar e derrubar o crime.

Ascom - PF/PA


Mãe do atual prefeito de Tucuruí segue para presídio feminino

 Divulgação

Presa na segunda-feira (30), acusada de ser a mandante do assassinato do prefeito de Tucuruí Jones William, Josenilde Brito, mãe do atual prefeito do município, deverá dar entrada nesta terça-feira (31) no Centro Recuperação Feminino (CRF), no bairro do Coqueiro, em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém.

Mãe de Arthur Brito, que era o vice-prefeito de Tucuruí e assumiu o cargo em julho, após a morte de Jones, Josenilde, conhecida como Josy, foi presa durante uma operação realizada pela Polícia Civil, que ainda intimou a depor o próprio prefeito, o irmão dele e vereador Lucas Brito e outras pessoas ligadas à família, como amigos e empregados.

Josy foi presa no cumprimento de um mandado de prisão temporária e deverá permanecer detida por 30 dias, podendo o prazo ser ampliado para mais 30, caso a Justiça determine. As investigações para apurar a morte de Jones continuam.

RELEMBRE O CASO

O prefeito Jones William foi executado a tiros no dia 25 de julho deste ano, enquanto visitava uma obra no bairro Cristo Vive. Dois homens em uma motocicleta fizeram uma emboscada e dispararam cinco vezes contra o prefeito, que chegou a ser encaminhado ao hospital, mas acabou morrendo. 

suspeito de disparar contra o prefeito, Bruno Marcos, foi preso em setembro, ao tentar deixar Belém pelo Aeroporto Internacional. Na última semana, outro suspeito de envolvimento, apontado como o condutor da moto que levava o atirador, também foi preso.

Prisões

Após a operação, quatro homens suspeitos de envolvimento na morte do prefeito estão detidos, Genivaldo Farias de Oliveira, Marlon Frank e Paulo Ricardo Vieira que estavam com o mandado de prisão expedido.

O quarto preso foi identificado pelo nome de Cleiton. Segundo a imprensa local, o homem foi pego quando tentava fugir da cidade.

A polícia não confirmou se ele estava tentando fugir por ter mandado expedido ou estaria na fila para depor coercitivamente.

(Com informações do Diário do Pará)

EM ITAITUBA: CORPO É ENCONTRADO NAS PROXIMIDADES DO LAGO BOM JARDIM.

O corpo do homem estava em um barraco de lona, em uma área localizada as proximidades do lago do bom Jardim. Segundo informações colhidas, o homem era visto com frequência no local, uma vez que trabalhava com a manutenção em algumas embarcações.

A policia militar foi acionada e esteve no local, para colher as primeiras informações, o homem foi identificado inicialmente por Edivaldo, conhecido por “bodinho”,  ele morreu apos tomar um banho, e teria ingerido muita bebida alcoólica nos dias anteriores. Até o fechamento da reportagem não houve comparecimento de nenhum familiar para o reconhecimento do corpo.

A PM acionou o Centro  de Perícias Científicas Renato Chaves, para remoção do corpo e realização de exames necroscopicos.

Fonte: Márcio Vieira - Agoraitb.

'ET' se disfarçou de Chupa-Chupa no interior do Pará, afirma ufólogo


 Wagner Santana/Diário do Pará

Desde o último domingo (29), o DIÁRIO publica a série de reportagens sobre os 40 anos da Operação Prato e o mistério do “Chupa-Chupa” em Colares, na ilha do Marajó, no Pará. Em 1977, a Aeronáutica deslocou uma equipe de militares para a cidade, a fim de investigar o aparecimento de corpos luminosos sobrevoando a região. Estes objetos não identificados chupavam o sangue das pessoas por um feixe de luz. A população estava em pânico. Para a reportagem de hoje, o jornal procurou especialistas que tentam explicar o fenômeno. O número de teorias sobre o caso é grande, mas todos ainda carecem de documentos que possam fundamentar qualquer tese.

Há quem acredite, por exemplo, que o “Chupa-Chupa” se trata de um caso de histeria coletiva. Há também quem defenda que se tratou de um teste militar com armas químicas. E numa linha mais extremista há ainda quem diga que a experiência de Colares com o “Chupa-Chupa” é o apocalipse. “A única resposta que temos é que o fenômeno do “Chupa-Chupa” foi real. Ele aconteceu!”, resume o ufólogo Daniel Rebisso Giesse, em relação a tantas perguntas que se faz acerca do assunto.

Daniel é um dos nomes mais importantes da ufologia no Brasil – tendo reconhecimento internacional – e entre as suas obras está o livro ‘Vampiros extraterrestres na Amazônia’, que aborda o acontecimento em Colares no ano de 1977. Para ele, não restam dúvidas de que o “Chupa-Chupa” se trata de um contato extraterrestre. Além disso, também acredita que estes ETs possam estar entre a humanidade. “O aparecimento de discos voadores é fenômeno global, acontece em todos os continentes do mundo”, destacou. “Ainda acontecem coisas por Colares, não com a mesma virulência, mas volta e meia os ufos são vistos”, reforçou.

Ao ser questionado sobre a Operação Prato, o ufólogo ressalta que a intervenção militar gerou documentos importantes para estudos sobre objetos voadores não-identificados (Ufos, sigla em inglês). “Naquele tempo, a Força Aérea Brasileira (FAB) já queria fazer contatos com os seres extraterrestres. Eles precisavam de provas de que eles existem. Foram meses de observação, mas a operação foi abortada devido pelos riscos que corria”, disse.

O céu da cidade de Colares até hoje recebe objetos voadores não identificados, segundo populares. (Foto: Wagner Santana/Diário do Pará)

UFÓLOGO GARANTE QUE ALIENÍGENAS ESTÃO ENTRE A HUMANIDADE

O ufólogo Daniel Rebisso Giesse já esteve em Colares para fazer pesquisas. Lá, ele conversou com sensitivos que escolheram morar em Colares por causa do fenômeno do “Chupa-Chupa”. “Pessoas que estudam o caso desde aquela época e que ainda buscam respostas para perguntas”, destacou. “Uma destas pessoas me fez duas profecias: Uma que os ETs estão entre nós. E outra de que eles vão voltar”, comentou.

“É como se estes seres de outro planeta fossem observadores ocultos. Sabem que estão ali e ninguém pode pegá-los”, levantou o ufólogo Daniel Rebisso.

Independente da linha de pesquisa e investigação sobre o fenômeno “Chupa-Chupa”, todos os campos de estudos levam para as mesmas perguntas: o caso tem mesmo relação com uma experiência extraterrestre? Se sim, o que eles (os ETs) querem? O que vieram fazer em Colares? Estariam estudando os seres humanos? Será que vão aparecer novamente? De onde eles vieram? Quanto mais se estuda o assunto, mais perguntas surgem e menos respostas se obtêm.

Ao que parece, mesmo tendo se passado 40 anos, o fenômeno do “Chupa-Chupa” é mistério que está longe de ser esclarecido.

(Denilson D'Almeida/Diário do Pará)

Em Tucurui: Polícia faz buscas a mandantes da morte de Jones William

As viaturas da polícia civil do Pará começaram a circular na cidade de Tucurui no sudeste do estado, por volta das 6h desta segunda-feira (30/10), a operação faz cumprimento de;

10 mandados de buscas 
13 conduções coercitivas (detenção para depoimento) 
3 prisões temporárias

O atual prefeito Artur Brito é do PV, ele também foi até a delegacia voluntariamente e prestou depoimento.

Segundo moradores, a casa do atual prefeito Artur Brito, da mãe dele Josy Brito e outras 7 pessoas também são alvo da operação que visa elucidar a morte do prefeito Jones William (PMDB), que foi alvejado a tiros quando visitava obras da prefeitura na cidade, próximo ao conjunto Cristo Vive.

Por: Felype Adms (com informações de moradores)


Acusado de matar Lu Brasil estava em relacionamento com o apresentador, porém Luiz negou ser autor do crime

Luís Fernando Falcão  foi preso em cumprimento de mandado judicial de prisão temporária, necessária para o sucesso da investigação que apura a morte do ex-apresentador, e será transferido nesta terça-feira para Altamira para responder pelo crime. No momento da prisão, o acusado estava vivendo em uma casa com familiares em Tucuruí.

Segundo informações do delegado Washington Santos, que está à frente da operação, ele era namorado da vítima na época do crime e nega ter sido o autor.

“Ele disse que conhecia a vítima há mais de oito anos e que, com o tempo, eles passaram a morar juntos e se relacionaram. No mês passado, ele alega que decidiu voltar  para Tucuruí, onde moram familiares, mas não tinha dinheiro para a viagem. E por esse motivo pediu ajuda financeira à vítima. Mas, segundo o acusado, os dois tiveram uma discussão que resultou em luta corporal. O fato teria ocorrido alguns dias antes da vítima ser morta. E o acusado admite que decidiu ir embora da casa da vítima um dia antes do crime, mas nega ter envolvimento na morte", explica o delegado.

A vítima foi encontrada sem vida dentro de uma residência no bairro da Brasília. Lu Brasil foi encontrado em cima de uma cama, com uma rede enrolada no pescoço e outros sinais de agressão. A motivação do crime ainda está sob investigação.

DOL 
Foto: Reprodução Facebook

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

O TRÂNSITO ITAITUBENSE FAZ MAIS UMA VITIMA FATAL NA MANHÃ DE DOMINGO (29).

O acidente aconteceu na manhã de domingo(29)  por volta das 8 horas, na terceira rua com a Lauro Sodré bairro bela vista.

Segundo informações de populares a vítima Ilma de Oliveira Ribeiro  seguia pela terceira rua, foi quando ela não viu a sinalização e avançou a preferencial e acabou se chocando na  camionete que estava sendo conduzida por Patrício Souza.

De acordo com informações o  motorista Patrício Souza  prestou todo atendimento a vítima e também acionou o SAMU.

A equipe do Samu chegou ao local verificou que a vítima estava numa situação bem crítica e estava em uma posição ventral. De acordo com a Maria Antônia técnica do Samu, a vítima estava  com escoriações nos membros inferiores e superiores e também estava  bastante gelada com a pele muito fria.

A vítima foi encaminhada para o HMI, segundo informações ela estava consciente e falando que estava sentindo muita dor na região torácica, e chegou na sala de emergência foi atendida pela equipe de plantão, foi solicitado alguns exames de imediato, mas o caso dela se agravou muito rápido.

Ainda de acordo com a Maria Antônia, a vítima foi atendida pelo cirurgião, ainda foi feito uma drenagem torácica. Mas infelizmente não resistiu e morreu no HMI. O caso foi registrado na 19° seccional.

Fonte: http://plantao24horasnews.com.br - Weslen Reis a força jovem da comunicação

O PERIGO DA VENDA DE OBJETOS PELA INTERNET. JOVEM É MORTO A TIROS NA TARDE DE HOJE NO BAIRRO DA NOVA REPÚBLICA EM SANTARÉM, APÓS ANUNCIAR VENDA DE CELULAR PELA INTERNET. ASSASSINO MARCOU O LOCAL PRA VER O CELULAR, ONDE MANDOU A VÍTIMA DESBLOQUEAR O APARELHO ANTES DE EFETUAR OS TIROS

Segundo a polícia, criminosos mandaram o jovem desbloquear aparelho e em seguida efetuaram, pelo menos, oito disparos com arma de fogo

Um jovem foi morto a tiros no início da tarde deste domingo (29) em Santarém. De acordo com informações da polícia, a vítima anunciou o celular em um site de vendas. Ele saiu ao encontro do suposto comprador e ao chegar no local marcado, foi assassinado. O crime aconteceu no bairro Nova República.

A vítima, identificada pela polícia como Junior Fábio Sena, combinou o encontro com o suposto comprador próximo à um campo de futebol conhecido como “marrecão”. Ao chegar no local, encontrou dois homens. Ainda de acordo com a polícia, os suspeitos mandaram a vítima desbloquear o aparelho e em seguida efetuaram ao menos oito disparos com arma de fogo.

Junior Fábio morreu ainda no local. A esposa dele conseguiu correr. Os dois homens fugiram. Populares informaram à polícia que o aparelho celular anunciado no site de vendas era roubado. O caso agora será investigado pela Divisão de Homicídios.

JK com informações do G1

sábado, 28 de outubro de 2017

Depois de roubar carro vagabundo invade casa e leva tiro da PM em Santarém

Na tarde de Sábado ( 28) em Santarém mais um elemento portando arma de fogo foi alvejado pela Policia Militar no bairro do Aeroporto Velho.  Segundo as informações de nossas fontes o elemento acompanhado de mais dois comparsas roubaram um carro no bairro do Santarenzinho na Rua Angelim de onde foram vistos por vários populares que imediatamente começaram a perseguir os vagabundos.

Segundo as informações , já no bairro da Esperança eles começaram a atirar contra os populares que estavam na cola deles desde o bairro do santarenzinho, em seguida os pilantras se separaram e um deles seguiu para o bairro do Aeroporto Velho e se escondeu dentro de uma caixa d'água, em seguida ele saiu e entrou na casa de uma moradora, na Rua Rosa Vermelha,  já no local varias viaturas da PM estavam nas imediações ao comando da Capitã Izabel, um dos policiais chegou na casa aonde o malandro estava.

O fato é que ele tinha ameaçado a dona da casa a não falar que ele estava lá dentro e com medo ela negou mais o policial desconfiou e entrou na casa, onde foi recebido pelo vagabundo que estava escondido , o policial atirou contra o malandro.

Mais uma vez parabéns pela ação da PM que mais uma vez agiu de forma correta e mais uma vez tirando de circulação esses patifes que fazem mal a nossa sociedade.

Fonte : Grupo Elias Junior Noticias

Pedestre e Ciclistas podem receber multas de trânsito

 Marco Santos / Diário do Pará

Pedestres e ciclistas poderão sofrer sanções como multas e remoção de bicicletas por infrações de trânsito. É o que determina a Resolução 706/2017, publicada ontem pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) do Ministério das Cidades, por meio do Conselho Nacional de Trânsito (Contran). As medidas punitivas já estavam previstas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB) nos artigos 254 e 255, mas não tinham sido regulamentadas. A nova regulamentação passa a vigorar no prazo de 180 dias, a partir da data de sua publicação.

O artigo 254 do CTB traz um rol de possíveis irregularidades cometidas por pedestres. Já o artigo 255 especifica as proibições para ciclistas. Dentre as punições, existe a proibição, por exemplo, de o pedestre permanecer nas pistas por onde passam os veículos. Será também considerada infração o cruzamento de pistas em viadutos, pontes, ou túneis, salvo onde houver permissão. Além disso, foi regulamentada a proibição de atravessar vias dentro das áreas de cruzamento, salvo quando houver sinalização para esse fim.

PUNIÇÕES
Fazer festas, promover práticas esportivas, desfiles ou atividades que prejudiquem o trânsito, sem autorização prévia, tornam-se proibidas com a nova regulamentação. Será imputada punição, ao pedestre, de R$ 44,19, o equivalente a 50% do valor da infração de natureza leve. No caso de ciclistas que trafeguem onde não seja permitida a circulação, ou guiem de forma agressiva, a infração será considerada média, no valor de R$ 130,16. Além da multa será feita a remoção da bicicleta.

Depois de constatada a infração pela autoridade de trânsito ou por seu agente, será lavrado o Auto de Infração por anotação em documento próprio ou por registro em talão eletrônico.

Para o consultor de trânsito Rafael Cristo, os agentes de trânsito precisarão analisar as condições de trafegabilidade antes de aplicar a sanção. “As cidades brasileiras, em sua maioria, não possuem estrutura para aplicar sanções”, pondera o especialista. Ele acrescenta que em Belém, por exemplo, há necessidade de se melhorar a acessibilidade das vias. “Uma sugestão é promover projetos de educação no trânsito voltados às comunidades para amenizar as infrações cometidas por pedestres e ciclistas”, opina.

A LEI
O especialista cita ainda o artigo 5º da Resolução que trata sobre a responsabilidade civil e penal do pedestre ou ciclista que, por exemplo, for considerado causador de um acidente por cometer uma infração de trânsito. “Ele estará sujeito a pagar indenização por danos materiais ou até responder na esfera penal”, pontua Cristo. Além disso, o especialista cita que o artigo 167 da CTB prevê a conversão da autuação e do valor da multa em uma advertência ao ciclista ou pedestre que cometa infração. “Mas a resolução não diz isso. Os órgãos não podem somente punir. Tem de oportunizar uma penalidade educativa”, critica.

Para o Denatran, assim como os ciclistas, os pedestres também têm regras a cumprir no trânsito. O órgão ressalta que essas regras são para garantir, em primeiro lugar, a segurança deste público e de todos que estão no trânsito. “Ainda que o pedestre seja a parte mais frágil, ele também pode causar acidentes quando não cumpre as regras do trânsito e coloca todos os outros em situação de risco”, diz o presidente do Contran, Elmer Vicenzi.

(Pryscilla Soares / Diário do Pará)

SANCIONADA LEI QUE DÁ PRIORIDADE A PROFESSORES PARA RECEBER RESTITUIÇÃO DO IR

O presidente Michel Temer sancionou ontem (26) lei que coloca os professores na lista de prioridades para recebimento de restituição de Imposto de Renda. O texto inclui um parágrafo único no Artigo 16 da Lei 9.250, de 1995.

Com a norma, os professores ficam atrás apenas dos idosos na fila para recebimento da restituição, ou seja, contribuintes que tem o magistério como maior fonte de renda terão prioridade no recebimento dos recursos logo após as pessoas com mais de 60 anos.

Fonte: Agência Brasil

APÓS 3 DIAS DE OCUPAÇÃO AGRICULTORES DE 4 ASSENTAMENTOS DE URUARÁ DEIXAM A SEDE DO INCRA EM ALTAMIRA

Um grupo de aproximadamente 140 agricultores que ocupava a sede do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) em Altamira, desde a manhã de segunda-feira (23), desocupou o local na manhã desta quinta-feira, 26, após acordo com o órgão. Os Manifestantes cobram a regularização fundiária no assentamento do km 155 norte, na área da nova invernada, que vem se arrastando há 12 anos. Também é cobrado a regularização fundiária no assentamento Tutuí, Santa Clara e no km 201.

Segundo informou uma das representantes do movimento, Lucimar Dias Silveira, uma equipe do INCRA acompanhará o grupo de agricultores até a área de assentamento e ficou acordado que em 15 dias uma equipe do órgão federal retornará a área para fazer o levantamento fundiário. “Nós estamos desocupando o prédio, mas caso eles (INCRA) não retornem ao nosso assentamento em 15 dias pra fazer o levantamento, como ficou acertado aqui, nós vamos ocupar o prédio de novo e com mais força”, disse a agricultora.

Ainda segundo Lucimar, caso o acordo não seja cumprido os agricultores voltarão a ocupar a sede do INCRA em 15 dias com mais força.

São cerca de 130 famílias que vivem no assentamento na área da nova invernada no km 155 norte e aguardam a regularização da terra. Estamos tentando contato com o INCRA.

Fonte: Sistema Regional de Comunicação

Elemento acusado de tráfico é preso pela PM dentro de embarcação em Oriximiná

Na cidade de Oriximiná  a policia militar colocou atrás das grades mais um elemento acusado de tráfico de drogas. Segundo as informações que nos foram repassadas pelo comandante do CPR-1 Coronel Tomaso a prisão do acusado aconteceu após uma denuncia.

Depois de serem acionados uma GU comandada pelo Major Maciel, Sargento Marques, CB Carlos, CB Gilson Viana e SD Tony se deslocaram em diligência até o N/M cidade de Oriximiná, embarcação que  estava vindo de Manaus, o qual foi encontrado nos pertencentes do cidadão de nome Alef de Souza Corrêa, uma certa quantidade de entorpecentes(maconha, cocaína e uma porção de produto químico).

Depois da prisão ele foi apresentado na delegacia da Policia Civil onde o mesmo foi autuado por tráfico de drogas.

Fonte : Grupo Elias Junior Noticias


Polícia Civil apreende diversas armas em Castanhal

Uma denúncia levou uma equipe da Polícia Civil, em Castanhal, a apreender quatro armas de fogo que estavam em poder de uma associação criminosa envolvidos em assaltos na região.

Na ação, a polícia prendeu Pedro Henrique Reis Oliveira, 25 anos, de apelido PH, Max Júnior Volcão Costa, 28, de apelido Bacá; Yago Rayfson de Medeiros Bezerra, 25, de apelido Playboy, e o taxista Domingos Adriano Moraes Ferreira. Entre eles, também, estava Max Junior, que tem mandado de prisão acusado de participar do assalto ao prédio do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves, em Castanhal, no mês de julho.

As prisões e apreensões foram realizadas ontem pela equipe de policiais civis do Núcleo de Apoio à Investigação (NAI), da região nordeste do Pará, e da Superintendência da Região Integrada de Segurança do Guamá. Segundo informações, após a denúncia anônima, os policiais civis seguiram até a área do Loteamento Jardim das Acácias, em Castanhal, onde o suspeito Max Júnior, de apelido "Bacá", estaria retornando em um táxi para Castanhal e iria se abrigar em uma casa no Loteamento. 

Assim, após fazer um monitoramento na área, os policiais identificaram o imóvel onde o suspeito estava escondido e ali, após revista, prenderam em flagrante Max Júnior, Yago Rayfson e Pedro Henrique. No interior da casa, os policiais civis apreenderam uma escopeta marca BaiKal, calibre 12, sem numeração aparente com 36 munições intactas; um fuzil DWM 1908 Berlin do Exército Brasileiro, tipo mosquetão, calibre 7,62, com 38 munições intactas; uma pistola calibre PT 40, com carregador e 11 munições, e uma metralhadora modelo MT 12, conhecida por “macaquinha”, calibre 9mm, com numeração suprimida, carregador e 29 munições de 9mm.

Além dessas apreensões, foram também apreendidas no local quatro munições calibre 380 intactas e outras nove munições calibre 38 também intactas, além de uma porção de maconha e uma máscara do personagem Anonymous. Max, Yago e Pedro são foragidos de Justiça e fugitivos do Sistema Penitenciário do Pará. Yago Rayfson tem mandado de prisão expedido pela juíza de Direito Cristina Sandoval Collyer, da 5ª Vara Criminal de Ananindeua. Logo em seguida, foi preso o taxista Domingos Ferreira acusado de transportar os outros três presos e parte do armamento apreendido até Castanhal. Os presos foram autuados pelos crimes de associação criminosa, posse de arma de fogo de calibre permitido e posse de arma de fogo de calibre restrito pelo delgado João Inácio, plantonista na Superintendência da Polícia Civil de Castanhal.

http://www.orm.com.br/noticias/policia/MTE2ODY=/Policia-Civil-apreende-diversas-armas-em-Castanhal

Garimpeiros se revoltam e tocam fogo na sede do Ibama em Humaitá (AM).

Aconteceu no final da tarde desta sexta-feira (27) uma confusão envolvendo Agentes Federais e garimpeiros no município de Humaitá (AM), localizada a 205 km de Porto Velho (RO) via BR 319, e com a sede do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio/Ibama) naquela localidade sendo destruída por incêndio provocado pelos garimpeiros que ficaram revoltados.

A confusão teve início quando agentes federais foram cumprir mandados de apreensão de balsas da beira do rio Madeira, no porto de Humaitá, onde existe o exercício ilegal de garimpo na região. Com a apreensão, segundo fontes extraoficiais, os agentes tocaram fogo nas balsas, o que causou a revolta dos garimpeiros, que se juntaram e se dirigiram até ao Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio/Ibama), que fica localizada na Rua Transamazônica.

No local, segundo essas mesma fonte, eles deram início ao sinistro do prédio, que imediamente pegou fogo. No momento as informações vindos daquele município relatam que só houve danos materiais até o momento. Alguns veículos foram incendiados também.

A fumaça negra e alguns pontos de chamas podem ser observados de longe e acabou reunindo muitos moradores que se encaminharam até o entorno do perímetro onde fica a sede.

Um áudio de um suposto garimpeiro ele conta que: “Esse negócio de tocar fogo é comigo mesmo. Nós toquemos fogo nos índios, porque não tocamos no Ibama?”.

A situação é crítica na região. Alguns servidores fugiram com medo logo após o ataque criminoso e já foi solicitada ajuda da Polícia Federal no local.

Fonte: Portal Rondoniense.

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Trabalhador morre após ser picado por cobra na zona rural de Uruará.

Um acidente com animal peçonhento tirou a vida de um trabalhador rural no município de Uruará nesta sexta-feira, 27. 
Segundo informações, a vítima de nome, Luiz Carlos Pereira da Silva, conhecido pelo apelido de Negão, aparentando ter aproximadamente 45 a 55 anos, foi picado por uma cobra jararaca por volta das 5 horas e 30 minutos da manhã quando . O acidente ocorreu dentro da residência onde a vítima morava, numa propriedade rural a 41 km do centro urbano do município, próximo a pia da cozinha, quando Luiz lavava o copo para fazer o café. 
O mesmo não teria parentes na região.
Após o acidente o trabalhador foi socorrido por populares, mas já chegou sem vida ao Hospital Municipal de Uruará (HMU).
O corpo foi levado para o necrotério municipal e deverá ser sepultado no cemitério da cidade.
A cobra foi morta após picar o pé da vítima.

Fonte: http://gazetauruara.blogspot.com.br - Joabe Reis.

DELEGADO CONRADO PODERÁ SER TRANSFERIDO AQUI DE ITAITUBA PARA OUTRO MUNICÍPIO

EDSON FERREIRA "BOLÃO" COMO É CONHECIDO DISSE QUE O DELEGADO VEM PRESTANDO UM BOM SERVIÇO A POPULAÇÃO ITAITUBENSE, PORTANTO DEVE CONTINUAR NA CIDADE.

Edson Ferreira é presidente do bairro da liberdade, ele disse que ficou surpreso quando ouviu um comentário de que o delegado Conrado que vem prestando um grande trabalho a sociedade itaitubense seria transferido para outro município.

Delegado Conrado Wolfing

O delegado Conrado Wolfing está atuando no município de Itaituba há nove meses, durante esse período ele tem mostrado um grande trabalho realizando suas atividades na delegacia de policia civil. Portanto o presidente do bairro da liberdade não concorda que ele seja transferido para outra cidade e pede ajuda para mante-lo aqui em Itaituba.

Presidente do Bairro da Liberdade.

Edson Ferreira disse ainda que vai lutar para impedir que o delegado seja transferido da cidade, segundo ele vai pedir ajuda também das entidades, no sentido de dar esse apoio ao delegado Conrado pra continuar aqui desenvolvendo com seriedade seu trabalho.

Fonte: http://www.plantao24horasnews.com.br/ com informações do repórter Risonaldo Mello.

Em Jacareacanga: Índios Munduruku invadem Câmara Municipal e ameaçam vereadores

Mais de 100 Indígenas Mundurukus estão nesse momento na Câmara Municipal de Jacareacanga, reivindicando dos vereadores, Sivinho do Paco Paco, Ivania Tosin e Edileuza Viana, seriedades e eficiencia em seus trabalhos em prol da população. Durante a sessão, teve um momento de tesão, onde as guerreiras foram em direção dos vereadores, Ivania Tosin e Silvinho do Paco Paco. Silvinho foi o mais cobrado pelos indígenas, no momento que era perseguido pelas guerreiras, Silvinho do Paco Paco, se refugiou em uma sala, junto com a vereadora Ivania. Essa tensão começou quando o vereador Silvinho do Paco Paco, acusou algumas pessoas de serem corruptos e ladrão no município, isso revoltou algumas pessoas, inclusive os indigenas.

As lideranças, alegaram que o vereador Silvinho do Paco Paco, Ivania Tosin e Edileuza Viana, não trabalha, e sim, vive na porta do Ministério Público, fazendo denúncias falsas e infundadas, contra o prefeito Raimundo Batista Santiago, e agora contra o presidente da Câmara de Jacareacanga, Acélio Aguiar. Segundo eles, as denúncias infundadas, paralisam os trabalhos no município.

Umas das lideranças, disse que, dessa vez, vieram apenas avisar, mas da próxima, que saíram das aldeias e virem a cidade, vão tocar fogo na Câmara de Jacareacanga, já que a Câmara não serve para trabalhar pelo povo.

Os senhores Domingos e Anacleto Madeira, também foram citados por algumas lideranças indígenas. Segundo eles, esses senhores nunca contribuíram com o desenvolvimento do município. Uma das lideranças, ao citar o nome de Anacleto Madeira e Domingos, disse que não conhecem eles, e queria que eles estivessem na sessão, para ouvir que os Mundurukus, tem a dizer.

A vereadora Edileuza Viana, estava ausente da sessão de hoje, e os indígenas, solicitam a sua presença, até p final da sessão. A vereadora petista, foi duramente criticada pelos indigenas mundurukus. 

A presidente Acelio Aguiar, temendo mais tumultos, encerrou a sessão, por volta das 12h40 minutos.

Fonte:Anderson Pantoja (Portal Buré)

Itaituba: Assaltante é preso em posto de combustível quando realizava assalto.

José Vitor de 18 anos foi preso na hora que realizada um assalto em um posto de combustível da cidade, por pouco não foi linchado por populares.

Na manhã desta quinta feira, 26, dois elementos em pop-100 aterrorizaram a cidade realizando assaltos, um deles aconteceu em frente a Loja Maradisco, onde uma funcionário teve o celular roubado, dois a dupla foi tentar assaltar um posto de combustível na 34ª Rua do Bairro Santo Antônio, mas dessa vez um deles se deu mal, preso pela policia que estava monitorando os elementos, com ajuda de populares o assaltante imobilizado, por pouco não foi surrado.

O assaltante preso foi identificado por José Vitor, de 18 anos, seu comparsa não foi preso, mas já foi identificado pela policia, Rodrigo é nome do mesmo, que conseguiu fugir. A placa da moto usada no assaltava esta adulterada. 



Fonte: Junior Ribeiro 

Fotos: Reprodução Whatsapp

Homem é assassinado a tiros dentro de carro no Jardim América em Novo Progresso.

Um homem foi assassinado no bairro Jardim América em Novo Progresso, por volta das 19h40mn desta quinta-feira (26). O crime foi em frente ao Lava Jato próximo a ponte na avenida Cristalina.

Conforme informação que chegou para o Jornal Folha do Progresso , “o carro, uma S10 brancaestava parada na avenida uma motocicleta chegou e atirou no motorista que morreu no local”.

A vítima, identificada apenas como “Leozinho Garimpeiro” estava sozinho no veiculo.

O corpo da vítima ficou dentro do carro aguardando a chegada da policia para providencias e remover o corpo.

Por Jornal Folha do Progresso

ALTAMIRA: POLÍCIA CIVIL ESCLARECE INVESTIGAÇÕES DO CASO LU BRASIL

Hoje 26 de outubro faz exatamente um mês do crime que chocou a população de Altamira. Lu Brasil, como era conhecido pelos fãs foi brutalmente assassinado em sua residência. A polícia Civil informou a nossa equipe na manhã desta quinta-feira que o autor do crime já foi identificado pelas imagens de câmeras de segurança de uma residência que fica próximo ao local do crime. Porém, o autor ainda está foragido da justiça.

O Delegado Germano Lima, que está presidindo o caso, contou que ainda não pode passar mais informações para não atrapalhar nas buscas pelo acusado.

Luciano dos Santos Batista, tinha 23 anos, o corpo dele foi encontrado após os vizinhos perceberem o mau cheiro do corpo que estava há dois dias e em estado avançado de decomposição. No local do crime havia marcas de sangue por toda a casa e o corpo estava amarrado em cima de uma cama. Lu apresentava ainda uma perfuração na região do queixo.

Esta semana, Lucas Pontes, que apresentava juntamente com Lu Brasil o programa Vale Music publicou um texto pedindo mais agilidade no caso. Um mês sem o Lu Brasil, o que diz a polícia civil sobre o caso?

O apresentador Luciano, mais conhecido como Lu Brasil foi assassinado de forma brutal no último dia 26 de Setembro/2017 em Altamira no Sudoeste do Pará, as investigações estão correndo em segredo de justiça, segundo o delegado Vinicius Dias superintendente de polícia civil do Xingu, o que pode ser dito agora é que o caso está bem encaminhado e com dados importantes já elucidados, em breve resultados plausíveis serão dados a população.

Lu Brasil ficou conhecido pelo jeito extrovertido de apresentar programa de tv em Altamira. O corpo recebeu homenagens em Altamira e foi sepultado em sua cidade natal, Tucuruí.

Por: Felype Adms e Athaynara Farias

Fonte: Xingu230

Itaituba: Polícia Civil ouve depoimentos sobre queda de avião que matou 5 pessoas


O delegado Vicente Gomes, da delegacia de Itaituba, começou ouvir nesta quarta-feira (25), os depoimentos sobre a queda do avião, na tarde do último domingo (22), que deixou cinco pessoas mortas. 

De acordo com informações da Polícia Civil, a primeira pessoa a ser ouvida foi o gerente da empresa Ouro e Prata, Raimundo José Oliveira Gonçalves, que era dona da aeronave. Ele disse que o piloto Diego Patrick Alves Resende, de 21 anos, não era funcionário da empresa e sim contratado. Em depoimento ele afirmou ainda que o piloto não estava autorizado a fazer as manobras. 

O delegado Vicente Gomes irá ouvir, nos próximos dias, outras testemunhas, entre elas, as pessoas do controle de voo para saber se Diego Resende tinha a autorização.

Além do piloto morreram ainda no acidente os irmão Weverton Marinho Pereira, de 41 anos, co-piloto da aeronave e Roberlania Dantas Marinho, de 43 anos, Josenilde Silva Oliveira, de 32 anos e Rosalina Metilde Santos Werlan, de 45 anos.  Segundo o inquérito policial, as três mulheres estavam de carona na aeronave, que realizava um voo de acrobacias aéreas   em um evento para celebrar o Dia do Aviador, comemorado nesta segunda-feira (23).
DOL

Homem é preso por ameaçar criança com uma faca em Altamira

Na manhã desta quinta-feira (26), a Polícia Militar recebeu a informação de que um homem havia invadido uma residência. Chegando ao local, os policiais encontraram duas facas e uma enxada com Antônio Márcio dos Santos Silva.

No momento em que ele entrou na casa que fica localizada no RUC São Joaquim, havia uma criança de onze anos. A menina ficou assustada e contou a mãe que Antônio chegou a ameaçar ela com uma faca.

Antônio já tem passagem pela policia por roubo. Ele permaneceu preso na Seccional Urbana de Altamira. Com o acusado foi encontrada ainda uma extensão que pertence a vítima.

Por Athaynara Farias | Xingu 230

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

EM TRAIRÃO: HOMEM É PRESO APÓS AGREDIR FISICAMENTE SUA COMPANHEIRA.

No município  de Trairão na noite desta quarta-feira (25), por volta das 10 horas a GUPM do 70 Pelotão ao comando do Sargento PM Gerson, foram informados de que estaria  havendo uma Violência  doméstica na Av Presidente Médsi n° 11 - Bairro Palhal.

A PM chegando ao local constataram a vericidade da situação  e prenderam em flagrante  o João  Batista Rodrigues de 29 anos,  acusado de agredir sua companheira Ana Cláudia de Oliveira de 32 anos.

O acusado foi conduzido e encontra-se recolhido na sela provisória da 109 UP, aguardando procedimento, após agredir fisicamente sua esposa, deixando hematomas em seu rosto. Fato  já foi comunicado ao DPC Milhomem titular da Unidade.

Fonte: http://plantao24horasnews.com.br - Weslen Reis com informações  da PM.

POUCA GENTE COMPARECEU NA AUDIÊNCIA QUE DISCUTIU SOBRE A TERCEIRIZAÇÃO DA ÁGUA EM ITAITUBA

O PROJETO DE LEI AUTORIZANDO O EXECUTIVO A PRIVATIZAR A ÁGUA ESTÁ TRAMITANDO NA CÂMARA DE VEREADORES.


A audiência para discutir sobre a privatização da água nos residenciais e distritos do município de Itaituba, já aconteceu mas teve uma participação mínima dos moradores das localidades mais afetadas com a falta d’água de qualidade.

Vereadores

Além da pouca participação popular os vereadores também ficaram surpresos com a ausência de representantes da Associação Portuária para discutir sobre a água em Miritituba e de representantes da COSANPA que também foram convidados para a audiência. 

Residencial WF

O residencial Wirland Freire é um dos mais prejudicados com a falta d’água, mas segundo a presidente da associação de moradores, a comunidade também fez pouco caso na hora de participar da audiência pública para discutir sobre a privatização da água.

A manifestação dos moradores dos residências e distritos,  poderá ser fundamental na hora dos vereadores tomarem a decisão de aprovar ou não a terceirização da água em Itaituba.

Fonte: http://www.plantao24horasnews.com.br/ com informações do repórter Marinaldo Silva.

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Quem são os 30 PMs assassinados este ano no Pará

 Ney Marcondes

Crimes praticados contra policiais militares já viraram rotina no Pará. No último dia 17, o cabo Edwilson Pacheco da Silva, 28 anos, foi assassinado a tiros em Marituba. Exatamente uma semana depois, a história se repetiu, dessa vez em Benevides. O cabo Irialdo de Lima Ramos foi baleado e perdeu a vida em uma rua movimentada do centro do município, ontem pela manhã. Foi o 30° policial militar assassinado no estado esse ano. Isso significa que a cada 10 dias uma família sepulta um PM, enquanto a insegurança segue em alta voltagem.

A morte de Irialdo aconteceu por volta das 9h, na rua Joaquim Pereira de Queiroz, bairro Centro. Moradores da área dizem que o cabo Ramos costumava fazer trabalhos extras como segurança de supermercados e lojas, era conhecido na comunidade evangélica e não tinha desavenças por ali.

Segundo testemunhas, o militar tinha acabado de abastecer sua moto em um posto de combustível na rua Joaquim Pereira de Queiroz quando foi perseguido por dois desconhecidos em uma moto do modelo Honda Fan preta, que o balearam. O militar teria conseguido avançar até um ponto onde morreu, mesmo atingido. Apesar de ele portar uma pistola calibre ponto 40, a arma visivelmente não foi usada.

As investigações seguem na Delegacia de Benevides, a cargo do delegado Silvio Garcia. De acordo com o policial civil, até o momento ninguém foi preso.

VINGANÇA

O delegado informa que há várias linhas de investigações. Uma delas seria de possível vingança de algum presidiário, já que o cabo era lotado no batalhão penitenciário. 

A outra seria de vingança de alguém da área onde ele mora (que é considerada área vermelha), mas familiares descartaram essa possibilidade. A mais plausível até agora é a de que seria uma vingança de uma tentativa de assalto que ele sofreu há um tempo, na qual o cabo reagiu e baleou um dos bandidos. O delegado Garcia disse ainda que descarta a chance de ser tentativa de assalto porque os criminosos não voltaram para pegar os pertences do cabo.

EFETIVO NAS RUAS É MENOR QUE O IDEAL, DIZ REPRESENTANTE DOS POLICIAIS

Com o saldo de 30 policiais militares assassinados somente esse ano, segundo a Associação dos Cabos e Soldados da PM e Bombeiro Militar (ACSPMBMPA) o número já ultrapassa o registro do ano passado, quando 28 PMs foram mortos no Estado. O cenário demonstra a gravidade da situação de violência que assombra a população paraense e que tem alcançado, inclusive, aos próprios agentes de segurança pública. 

Presidente da Associação, o cabo da PM Edivan Ferreira da Silva ressalta que a corporação arrisca a vida diariamente e, ainda assim, muitos se sujeitam a fazer serviços extras para complementar a renda mensal, vivendo sob um risco ainda maior. “Infelizmente é mais um companheiro que se vai. E o governo não dá nenhuma perspectiva de reajuste de salário”.

A constatação dos colegas o cabo Irialdo de Lima Ramos, após ele ser morto a tiros, por dois desconhecidos que fugiram de moto. (Foto: Ney Marcondes/Diário do Pará)

Segundo o cabo F. Silva, os salários da categoria seguem sem reajuste desde 2015. Além disso, eles cobram melhores condições de trabalho e a definição da carga horária. Silva explica que o salário-base pago a soldados e sargentos está, em média R$ 4 mil. 

“Devido à má remuneração, muitos tiram bicos para compor a renda e garantir o sustento das famílias. Isso os deixa mais expostos à violência”, acrescenta ao ressaltar que a corporação aguarda posicionamento do Estado com relação aos reajustes dos PMs e bombeiros militares. Porém, até o momento, não houve sinalização de negociação.

EFETIVO

Para o cabo, a inércia do governo se reflete nos alarmantes índices de criminalidade no Pará, sobretudo por não assegurar melhores salários e condições de trabalho aos agentes de segurança pública. Atualmente, o efetivo da corporação é composto por 14.600 PMs. 

Contudo, o número de militares que efetivamente atuam nas ruas é menor, levando em consideração aqueles que estão indo para a reserva, os que estão de licença médica ou à disposição da Justiça. É um efetivo muito aquém da demanda, já que atendem a uma população de quase oito milhões de habitantes em todo o Pará.

“A Lei Orgânica Básica da PMPA prevê o quantitativo mínimo de 31 mil homens para suprir essa demanda. O trabalho com quantitativo reduzido e serviços extras estão entre os fatores que deixam a categoria mais exposta”, pondera. Ele acrescenta que, para atender de forma eficaz a Região Metropolitana de Belém, seriam necessários pelo menos 10 mil PMs, sendo que esse número corresponde quase à totalidade do Estado.

Desde 2010, a entidade tem protocolado documentos junto aos órgãos que compõem o sistema de segurança pública do Estado para cobrar providências e, também, a retomada do grupo formado por diversas entidades para discutir ações para a segurança pública. 

Entretanto, esse grupo foi desfeito em 2013, conforme ressaltou o presidente da Associação. “Enviamos ofícios, cobramos, mas é difícil ter acesso aos órgãos do governo hoje”, critica.

Procuradas, as assessorias de comunicação de Secretaria da Estado de Administração (Sead) e Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) não se manifestaram até o fechamento dessa edição.

(Alice Martins Morais e Pryscila Soares/Diário do Pará)