Google+ Followers

Total de visualizações de página

domingo, 31 de janeiro de 2016

PC procura envolvido por atentado em Salinópolis

A Polícia Civil divulgou neste domingo (31), a conclusão do inquérito policial instaurado no ano passado, para apurar um atentado a tiros, na praia do Maçarico, em Salinópolis, nordeste paraense. O crime foi registrado no dia 13 de setembro do ano passado, quando dois homens em uma moto se aproximaram de um grupo de pessoas, que estavam em uma confraternização na praia, e passaram a atirar. Em seguida, os atiradores fugiram do local.

Três pessoas foram baleadas. Uma delas morreu no local e outras duas foram socorridas e sobreviveram. Os dois autores do crime foram identificados.

Um deles já está preso. Com as investigações, a equipe da Polícia Civil identificou um dos autores do crime como Jhonatha Fonseca dos Santos, que teve a prisão preventiva solicitada à Justiça. Em depoimento, ele confessou envolvimento no crime e apontou o comparsa identificado como Adriano Pereira dos Santos, de apelido "Drico".

Adriano Pereira dos Santos continua foragido. (Foto: divulgação)

Segundo Jhonatha, o objetivo do atentado era matar a vítima de apelido "Orelha", justamente a pessoa que morreu, por vingança. O acusado alegou que a vítima teria roubado uma arma de fogo de sua propriedade, no começo do ano passado. Adriano permanece foragido.

(DOL com informações da Polícia Civil)

Parauapebas: Polícia detém nove pessoas suspeitas de praticar crimes na cidade

Guarnições das polícias Militar e Civil detiveram nove pessoas por volta das 23 horas da última quinta-feira (28), numa residência localizada na Rua Grajaú, Bairro Casas Populares I, em Parauapebas, suspeitas de envolvimento com assalto e tráfico de drogas.

De acordo com o delegado André Tavares, a polícia recebeu informação dando conta que na residência havia várias pessoas consumindo bebida alcoólica e usando droga.

Ao chegar ao local e fazer abordagem nas pessoas presentes, os policiais encontraram pequena quantidade de crack, aparelhos de celular e um revólver calibre 38, e conduziram as nove pessoas para prestar esclarecimento na 20ª Seccional Urbana de Polícia Civil.

Em depoimento à polícia, Afonso Henrique Silva de Lima, conhecido por “Maga Velha”, assumiu que a arma encontrada era sua e que estava usando para praticar assalto na cidade. Segundo a polícia, o acusado é assaltante conhecido, já tendo passado uma pequena temporada na carceragem do Bairro Rio Verde.

Questionado sobre a origem da arma, “Maga Velha” revelou que a comprou em Parauapebas por R$ 600. Ele assume a prática de dois assaltos, mas nega que tenha ferido alguém com o revólver.

Foi presa também a mulher Gleycendia dos Santos, que estava guardando a arma para “Maga Velha” na casa dela, a pedido do marido, Rafael de Alencar, que se encontra preso no Crrama, em Marabá.

Na avaliação do delegado André Tavares, se o marido preso estiver mantendo contato com a mulher, a partir da cadeia, isso será repassado ao Judiciário e Rafael pode perder direitos, como uma futura liberdade condicional, por exemplo.

Uma terceira pessoa também foi ouvida por portar pequena quantidade de maconha. Como a porção da droga não chegava a pesar um grama, a autoridade policial adiantou que o homem não seria autuado por tráfico e foi liberado, da mesma forma que os outros detidos. (Vela Preta/Waldyr Silva)

Suspeito de homicídio é preso em Tailândia

A Polícia Civil prendeu Enildo Bonfim, de apelido Tuca, suspeito da autoria de um homicídio no município de Tailândia, sudeste paraense. A vítima do crime foi um homem conhecido por "Ceará", que foi morto na estrada conhecida como Vicinal 43, na zona rural do município, no último dia 17. A prisão foi cumprida pela equipe policial coordenada pela delegada Aline Macedo.

Segundo ela, "Tuca" já havia sido preso anteriormente, em 2007, na cidade de Goianésia do Pará. Na ocasião, ele matou com três tiros o sobrinho da então companheira.

Ele também foi preso em flagrante, no ano passado, em Tailândia, por posse irregular de arma de fogo de uso permitido. Na época, quatro armas de fogo foram apreendidas na casa do suspeito."Tuca" permanecerá recolhido à disposição da Justiça.

(DOL com informações da Polícia Civil)

Juriti: Polícia flagra menores com bebidas alcoólicas no interior No total, cinco estabelecimentos foram visitados na cidade de Juruti. Operação ocorreu na madrugada de domingo e teve apoio de outros órgãos

As Polícias Civil e Militar flagraram vários menores de idade ingerindo bebida alcoólica em uma casa de shows, no município de Juruti, oeste do Pará, na madrugada deste domingo (31). A operação, que contou com apoio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Demutran e Conselho Tutelar resultou na prisão do empresário responsável pela festa e mais três funcionários.

De acordo com o delegado de Polícia Civil, Jaime Paixão, o objetivo da operação foi fiscalizar as casas de diversão noturna, além de inibir outros crimes. No total, cinco estabelecimentos foram visitados pela equipe. Em dois foram encontradas irregularidades administrativas como venda de bebidas em recipientes de vidro, o que não é permitido em eventos. “Entre os menores tinha uma adolescente de 15 anos completamente embriagada”, informou.

O responsável pelo evento e os demais funcionários foram presos em flagrante e enquadrados no artigo 243 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). O artigo afirma que quem for pego vendendo, fornecendo, servindo, ministrando ou entregando, ainda que gratuitamente, de qualquer forma, a criança ou a adolescente, bebida alcoólica ou, sem justa causa, outros produtos cujos componentes possam causar dependência física ou psíquicapoderá poderá ser detido e pegar pena de 2 a 4 anos de prisão.

A polícia arbitrou fiança de 10 salários mínimos para o empresário e 3 salários para cada funcionário. Se eles não pagarem, permanecerão presos na delegacia da cidade à disposição da justiça.
O liberal

Bombeiros fazem buscas por desaparecido no rio Curuá-Una Informação recebida pela corporação foi de que um carro caiu no rio. Equipe com quatro mergulhadores foi para local na manhã deste domingo

Corpo de Bombeiros enviou no início da manhã deste domingo (31), uma equipe com quatro mergulhadores para buscar uma pessoa que teria desaparecido no rio Curuá-Una, na hidrelétrica de Curuá-Una, em Santarém, oeste do Pará.

De acordo com informações do subtenente Ferreira, a corporação recebeu chamado com o relato de que um carro, durante passagem por uma rampa, perdeu o controle e caiu no rio. “O que nos passaram é que um ocupante do veículo conseguiu sair e outro saiu também do carro, mas está desaparecido”.

O subtenente destacou que a equipe foi para o local preparada para fazer, inicialmente buscas superficiais ao redor do rio, em seguida mergulhos. “Como é um local reservado e a informação veio de quem trabalha lá não caracterizamos como trote. A equipe foi ao local com todos os equipamentos necessários”.

Hidrelétrica de Curuá-Una

A Usina Hidrelétrica Curuá-Una fica localizada no Rio Curuá-Una, na Cachoeira do Palhão, a 70 km de Santarém . É uma das hidrelétricas que contribuem para o abastecimento da região oeste do Pará, em especial ás cidades de Santarém, Mojuí dos Campos e Aveiro. É interligada ao Sistema Interligado Nacional através da "Tramoeste Tucuruí", que dá segurança elétrica aos municípios abastecidos por Curuá-Uma.
O liberal

SANTARÉM: POLICIA CIVIL RECUPERA MOTO DE MOTOTAXISTA NÃO LEGALIZADO QUE TEVE MOTO ROUBADA NESSA MADRUGADA

Na manhã de Domingo (31) policiais civis que acabaram de assumir o plantão recuperaram uma moto e colocaram a dupla de vagabundos acusados do roubo atrás das grades.

(Binho)foto abaixo ele tá sem camisa

Informações que chegaram a nossa equipe de reportagem através do Investigador Aroldo da Policia Civil, dão conta de que a moto foi roubada na madrugada de Sábado para Domingo (31), das proximidades de um clube denominado de "Celeiros".

(Charuto)foto abaixo o se camisa laranja

Segundo o investigador o elemento de apelido "Charuto", teria  abordado a vítima que é mototaxista não legalizado nas proximidades do clube, depois da ação do pilantra sem futuro ele levou a vítima para as proximidades da Moto Sport, quando la já estava a espera outro vagabundo conhecido por  "Binho".

Depois do roubo a dupla de safado sem vergonha levaram a moto para uma casa no bairro do  Mapiri,  onde  ficou guardada. Depois de uma conversa amigável com os homens da Policia Civil, o vagabundo "Charuto", foi logo entregando o seu comparsa e dizendo aonde estava a moto.

Fonte : Elias Junior Noticias

Oriximiná: Indígena vai a óbito apos acidente.


O índio Jamilson Wai Wai, que veio a óbito, devido um acidente de duas motos uma tornado e uma bros, na trav. Carlos Calderaro, por volta das 22:30h de sábado (30/01/16), havendo mais três vítimas,

o jovem José, que teve escoriações e fratura em uma das pernas, o Pelado (que é cantor) filho proprietário do Bar do Evandro, de mesmo nome, que teve escoriações na cabeça e fratura em um dos pés, e seu colega, de nome desconhecido, q foi levado para o HMO, inconsciente, com sangramento pela boca e nariz. Índio Jamilson, morreu no local do acidente, a equipe do Samu, ainda tentou a reanimação, mas indião, como era conhecido, já estava sem pulso, e foi dado como morto.

A equipe do Samu, procedeu atendimento aos demais feridos, levando primeiramente os que estavam em estado mais grave, José e o jovem desconhecido (camisa preta), colega de Pelado, ficando, ainda no local, Pelado, que aguardou o retorno da ambulância, e o corpo de Jamilson, onde estava presente um de seus irmãos, que debruçado sobre seu corpo, chorava desconsolado, pela perda do irmão. Após uma hora, que o corpo de Jamilson, foi levado pela polícia ao necrotério do HMO.

A imprudência no trânsito de Oriximiná, fazendo mais vítimas, com mais uma vítima fatal, confirmada. A combinação que álcool e direção de veículos motorizados, não combinam, e fatalmente tem trazido grandes transtornos a saúde pública, de nossa cidade. E no momento que Oriximiná, enfrenta uma epidemia de infeções por Rota Vírus, ocasionando, uma superlotação, na urgência e emergência do HMO.
Fonte: plantão 24horas news

ITAITUBA: Hoje acidente na tranzamazônica com vítima fatal

Hoje dia 31 de janeiro por volta das 4:30 da manhã, um grave acidente na tranzamazônica no km 3, envolvendo duas motos, onde uma veio a óbito no local o Roosevelt Libório foto abaixo, não resistiu os ferimentos, o mesmo e residente do km 3 bairro da Coca foi acionado o iml e o corpo de bombeiros para atender o outro acidentado Anderson Machado Lira de 18 anos que foi encaminhado para o hospital municipal pelo corpo de bombeiro.

Segundo informações do hospital municipal o mesmo já foi transferido para Santarém, muito grave com TCE e com fratura na coluna, residente do bairro da vila caçula.

Fonte: Diego Gama Notícias

Marituba: Pais querem que matador de garoto cumpra pena

Na casa, o silêncio deixado por uma criança. Os pais de Arthur Moraes Sousa, de 11 anos, ainda não estão preparados para perdoar Michael Kildere Machado da Silva, de 25 anos, assassino confesso do menino. Apesar da dor interminável, o alívio de ver o criminoso preso e as forças para seguir em frente são agarradas no seio religioso.

Michael morava na rua João Batista, bairro Almir Gabriel, município de Marituba, local próximo da residência de Arthur. De acordo com Edivan da Silva Sousa, pai da vítima, conhecia Michael “de vista” e que ele prestava favores aos moradores apanhando açaí. Por isso, não foi capaz de imaginar que ele pudesse cometer tanta crueldade contra Arthur. “Era um rapaz que não apresentava nenhuma maldade, aparentemente. Ele não demonstrava ser ruim”, declarou Edivan.

Ele contou ainda que Michael conseguiu ter a frieza de ajudar vizinhos e parentes nas buscas pelo menino, que esteve desaparecido por 3 dias, até ter o corpo encontrado na manhã de terça-feira, já em estágio avançado de putrefação, em uma mata de propriedade de um cemitério particular. O local fica apenas a alguns metros da casa onde a criança morava.

Michael foi preso na quinta (28) em casa e confessou, friamente, que estuprou o menino no meio da mata, depois de convidá-lo a empinar pipa. Com receio que Arthur o denunciasse, desferiu três facadas no peito da criança e uma na costa. Com a prisão dele, os pais conseguem se sentir um pouco mais aliviados, a esperança, agora, é que ele cumpra toda a pena.

“Desde quando ele sumiu, ficamos sem dormir. Antes de acharem o Arthur, eu dobrei os meus joelhos e falei ‘Senhor, tenho esperança de encontrar meu filho, mas não quero vê-lo morto, comido por urubus, perdido por aí. E quando ele foi achado, eu dei graças a Deus. Ele teve um enterro digno”, disse emocionado.

Depois de ter passado por toda a essa dor, ele refletiu na importância da boa relação entre pais e filhos. “Pais, tenham cuidado com os filhos de vocês, digam a eles que vocês os amam. Eu me sinto triste, mas sei que ele está com Deus agora. Eu queria vê-lo crescer, se formar, mas temos um tempo determinado na Terra e o tempo do Arthur foi de 11 anos”, continuou.

Sobre o assassino do filho, ele espera que um dia possa ser perdoado na justiça divina. “O que posso dizer é que espero que ele alcance a misericórdia de Deus, porque o que ele fez foi muito bárbaro e não pode ser explicado”. Mas, eles, enquanto pais, o perdão ainda não será possível. “Me perguntaram na igreja se eu o perdoaria. Não, hoje, eu não consigo perdoar. Toda hora fico pensando na dor que meu filho sentiu. Passa um filme na minha cabeça”, contou Luzia Campos de Moraes, mãe de Arthur.

RECONHECIDO

A mata fica nos fundos do cemitério e é separada por um muro. De acordo com informações dos pais, depois de cometer o crime, Michael teria pulado da mata para o cemitério completamente sujo de sangue e lama, sendo visto por um funcionário. Ele foi reconhecido e preso na própria residência. Ele foi conduzido para a Divisão de Homicídios onde foi autuado por homicídio qualificado e estupro de vulnerável. Em depoimento ele confessou que viu o garoto pular o muro para pegar uma pipa, chamou por ele e a criança aceitou ir. O motivo para o crime, segundo ele, era que estava drogado.

(Emily Beckman/Diário do Pará)

Cametá:Polícia investiga corpo achado boiando em rio


Policiais civis do município de Cametá, na Região do Baixo Tocantins, vão investigar e será aberto inquérito para apurar a morte do pescador Sérgio Lourenço Serrão, de 40 anos, encontrado boiando nas águas do rio Tocantins no final da tarde de sexta-feira (29). Segundo as primeiras informações colhidas pela reportagem, a vítima estava desaparecida desde as 11h do dia anterior, quando fora vista na companhia de 2 homens, após chegar a Cametá para receber uma quantia em dinheiro.

O corpo do pescador foi encontrado, por ribeirinhos, boiando em frente ao cais da Igreja São João, onde fica também a Associação de Pescadores do município, no bairro São Benedito, centro de Cametá. A morte de Sérgio Lourenço Serrão foi comunicado na Delegacia de Polícia Civil de Cametá por Maria Luiza Lopes, moradora da comunidade ribeirinha de Maracu e companheira da vítima.

Ela disse ao delegado Celso de Jesus Pereira que soube que tinham encontrado o corpo de Sérgio. Ele saiu de casa, na zona ribeirinha, no dia anterior, e estava desaparecido. Maria disse que esteve com os 2 homens e eles disseram a ela que estiveram com Sérgio, mas que depois foram embora e deixaram Sérgio em um bar.

Logo depois de ribeirinhos localizarem o corpo no rio Tocantins, policiais civis acionaram uma equipe do Corpo de Bombeiros para retirar a vítima das águas e aguardar a remoção, por meio do IML.

(Diário do Pará)

Ananindeua: Motoqueiro morre em acidente na BR-316

Um homem identificado como Anderson Douglas Cardoso Nascimento, 28 anos, morreu em um acidente na madrugada de ontem (30), por volta das 2h30, no KM 3 da Rodovia BR-316, bairro da Guanabara, em Ananindeua. Ele estava em uma moto e morreu após perder o controle da direção do veículo.

Segundo o cabo da Polícia Militar (PM) Adalto da Silva, do 6º Batalhão de Polícia Militar (BPM), as testemunhas que presenciaram o fato contaram que o motorista de uma pick-up de modelo, cor e placa não identificados teria “fechado” a moto da vítima.

“Ele perdeu o controle da direção, subiu o canteiro central da rodovia e atingiu de frente esta árvore. A moto dele foi arremessada para o meio da pista e foi colocada no acostamento, para evitar novos acidentes. O motorista da pick-up ainda não foi localizado”, contou.

A moto da vítima, uma Yamaha YBR 125 Factor, cor vermelha, ficou parcialmente destruída. O local do acidente foi analisado pelos peritos do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves e em seguida, o corpo de Anderson foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), para a necropsia.

INCÊNDIO

Um incêndio destruiu um cômodo de uma residência de dois pavimentos, na rua Silva Rosado, bairro de São Brás, em Belém, no final da noite da última sexta-feira (29). De acordo com informações preliminares do Corpo de Bombeiros, um curto-circuito em uma central de ar pode ter provocado as chamas. Conforme o tenente Rio Branco, pertencente ao 1º Grupamento de Bombeiros Militar (GBM), o maior problema foi a dispersão da fumaça, que ficou presa no quarto da casa onde iniciou o fogo. “Foi um incêndio de pequenas proporções. A fumaça ficou presa no local porque a porta estava fechada e não possui nenhuma janela. Havia três pessoas na casa, mas elas demoraram a perceber as chamas. Nenhuma pessoa ficou ferida”, disse.

Para o bombeiro, uma possível hipótese inicial das causas do incêndio pode ter um curto-circuito na central de ar. “Pelo o que verificamos aqui pode ter sido um problema na central de ar, mas vamos os proprietários podem solicitar a perícia, que deverá apontar o que realmente provocou as chamas”, concluiu.

(Fabrício Nunes/Diário do Pará)

Ananindeua: Suspeito de enterrar corpo em quintal é preso

Mário Gomes da Silva, 33 anos, é apontado por investigação da Polícia Civil como o autor da morte de Ivaneide Ferreira Lopes, 25 anos. O corpo da vítima foi encontrado por vizinhos, em uma cova, na última quinta-feira (28), em frente à residência do acusado, onde morava sozinho, localizada na rua Antônio Conselheiro, no bairro do Aurá, em Ananindeua. Mário estava foragido e só foi capturado por volta das 00h30 de ontem, pelo cabo Oliveira e soldados Costa e Pinheiro, da Polícia Militar, que realizavam ronda na VTR-2912. Após a prisão, o acusado foi conduzido até a Seccional de Ananindeua onde confessou ter enterrado a vítima, mas negou a autoria do homicídio.

Em depoimento, Mário declarou que teria encontrado Ivoneide, na madrugada do dia (28), na companhia de outro homem e os convidou para ir até sua residência, para usarem entorpecentes. O acusado declarou que manteve relações sexuais com a vítima, no entanto, com o consentimento dela.

Após o ato, Ivoneide teria pedido para que Mário vendesse um aparelho celular. Enquanto saiu, a vítima e o homem, ainda não identificado, continuavam a consumir drogas. Ao retornar, Mário conta que encontrou a jovem morta na sala de sua casa. O suposto assassino já teria providenciado a pá com a enxada para enterrar a vítima com a ajuda de Mário.

O acusado foi autuado em flagrante, pelo delegado Eliézer Machado, por homicídio e ocultação de cadáver.

(Camila Barreto)

sábado, 30 de janeiro de 2016

Banda anuncia nova formação após saída de Thábata

Após a saída de Thábata, a X-Calypso contará agora com uma nova formação. Três vocalistas comandarão o lugar deixado pela loira e por Joelma: a cantora pernambucana Leya, o paraense Gêh Rodriguez e outro que será definido por Ximbinha e sua equipe de produção nos próximos dias.

Ximbinha e os novos vocalistas já se apresentarão na noite deste sábado (30), em uma show na cidade de Senador José Porfírio (Souzel), na região Transamazônica, no sudoeste do Pará.

De acordo com nota oficial divulgada pela assessoria de Ximbinha, os compromissos assumidos anteriormente serão cumpridos com a nova formação da banda.

Confira a nota na íntegra:

"A cantora Thábata deixa de ser a vocalista da X-Calypso a partir deste domingo, 31. A decisão foi tomada em comum acordo com o guitarrista Ximbinha, criador da banda. O motivo foi divergências conceituais em torno do projeto. Ximbinha ressalta sua admiração pelo talento e poder vocal de Thábata e lamenta sua saída. Thábata, por sua vez, afirma que os últimos três meses foram de muito aprendizado e de formação profissional. Ambos acreditam que esta foi a melhor decisão, que não prejudicará contratantes e revela o respeito aos novos fãs que a X-Calypso vem conquistando desde sua primeira apresentação no dia 3 janeiro, quando reuniu um público de mais de 100 mil pessoas no aniversário da cidade de Ananindeua, no Pará.

Ximbinha assegura também que o Projeto X-Calypso continua firme e todos os contratos assumidos serão cumpridos. A partir de hoje a X-Calypso ganha uma nova roupagem: a cantora pernambucana Leya e o paraense Gêh Rodriguez assumem os vocais e uma terceira vocalista, que ainda será escolhida, vão compor o projeto X-Calypso ao lado da guitarra de Ximbinha".

Leya já dividiu o palco com Ximbinha em outras ocasiões, como mostram vídeos publicados no Facebook da cantora. Em um postado no dia 4 de janeiro deste ano, ela aparece ao lado de Thábata e do guitarrista.

Que honraaaaa ���������������� #xcalypso @xcalypsoficial #ximbinha #thabata

Publicado por Leya Emanuelly em Domingo, 3 de janeiro de 2016
A cantora também aperece ao lado de Joelma em vídeo postado em abril de 2014.

Um trechinho da nossa participação Radiola Sertaneja com a Banda Calypso. #ObrigadaSenhor

(DOL)

Na tarde de Sábado mais um Ônibus sucateado pega fogo em Santarém

Na tarde de Sábado (30), aproximadamente as 13 : 30 horas na cidade de Santarém, mais uma vez uma situação envolvendo ônibus que pega fogo no meio da via publica. O fato dessa vez aconteceu no bairro de Aparecida, informações de que o coletivo que fazia a linha Nova Republica Rodagem  quando derrepente começou a fumaçar e pegar fogo no coletivo.

Segundo informes relatador aos homens do Corpo de Bombeiros uma possível faísca na parte elétrica foi oque teria ocasionado o incêndio no ônibus. Informações de que não ouve vitimas no local, só uma criança que na pressa de sair de dentro do ônibus ficou com uma pequena escoriação no braço. Duas viaturas da Policia Militar estiveram no local dando apoio, uma delas ao comando do Sargento Dutra.

Ouve explosões no local, havendo perca total do veiculo. Vale ressaltar mais uma vez que maior parte da frota de ônibus que trafega atualmente está sucateada. Ônibus velhos que ainda insistem em trafegar com passageiros na cidade. Culpa do poder publico municipal que não abre vagas para que outras empresas possam atuar na cidade.

Fonte : Elias Junior Noticias 

Salinopolis: Presos 5 homens suspeitos de traficar drogas

Policiais militares de Salinópolis, no nordeste paraense, está intensificando o combate ao crime de tráfico de drogas naquele município. Prova disso é que somente na tarde de ontem, mais pessoas foram presas e com elas, no total, teriam sido apreendidas 64 porções de pasta base de cocaína. Segundo o major Josimar Leão Queiroz, comandante da 1ª Companhia Independente de Polícia Militar (Cipm), todos os acusados foram autuados em flagrante.

Com Vanilson Maia Teixeira, de 39 anos, teriam sido encontrados 26 “pacotinhos” de pasta base de cocaína, além de R$ 10. Também foi preso José Luiz Marques, de 25 anos. Com ele estariam mais 19 “pacotinhos” da mesma substância. Vanilson e José foram presos na rua principal do bairro São José, por volta das 15h de ontem, pelos cabos Pablo, Mário, soldados Lucas, Helton e Pereira, da Polícia Militar. Segundo os militares, eles reagiram de forma suspeita e foram abordados.

José Fábio do Rosário Araújo, 20, Maurício da Silva Costa, 22, e Cleidson Nazaré Santana, de 32 anos de idade. Eles teriam sido flagrados comercializando entorpecentes, próximo de uma residência localizada no bairro João Paulo II, mais precisamente na travessa São João. Dois policiais militares à paisana passaram pelo local e foram abordados pelo trio que perguntou se eles (policiais) não estavam querendo comprar drogas.

“Ao perceber que se tratavam de PMs, um dos suspeitos tentou se desfazer de um recipiente plástico, jogando-o para a lateral de uma residência. Dentro do recipiente havia 19 ‘pacotinhos’ de pasta base de cocaína”, afirmou o major Josimar Leão Queiroz.

Vanilson Maia, José Luiz, José Fábio, Maurício da Silva e Cleidson Nazaré foram conduzidos à delegacia de Polícia Civil e apresentados ao delegado Vicente Leite Barbosa que os autuou por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Todos ficaram de ser transferidos ainda ontem para o Centro de Recuperação de Salinópolis (CRSAL). Os acusados não quiseram gravar entrevista.

(Tiago Silva/Diário do Pará)

Assassinato em Castanhal é mistério para a polícia

Rodrigo Oliveira Tavares, de 18 anos, morador do bairro da Saudade, periferia da cidade de Castanhal, nordeste paraense, foi morto com um tiro na nuca. O crime, ainda com a autoria e motivação indefinidas, aconteceu na madrugada de ontem, por volta das 2h30, dentro de um conhecido posto de combustíveis situado às margens da rodovia BR-316, entre Castanhal e Apeú (distrito castanhalense).

Segundo informações colhidas no local do crime, pela guarnição do sargento Ed Lito, da Polícia Militar, o jovem se divertia com amigos quando foi alvejado na nuca por um disparo de arma de fogo efetuado por um homem não identificado. “Testemunhas nos contaram que o atirador fugiu em um carro de cor escura”, informou o militar. Rodrigo morreu no local. Seu corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). Peritos não souberam informar de qual tipo ou calibre de arma saiu o projetil que perfurou o crânio do rapaz.

O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil do centro de Castanhal, durante o plantão da delegada Ariane Magno Gomes. “Irei solicitar as imagens captadas pelo circuito interno do posto, para tentar, através dessas imagens, identificar o autor do crime”, adiantou a delegada. No ano passado, pelo menos outros três homicídios aconteceram dentro do mesmo posto de combustíveis.

(Tiago Silva/Diário do Pará)

Após discussão, Thábata deixa XCalypso

Não durou três meses a parceria entre Ximbinha e Thábata Mendes, da banda XCalypso, que recentemente se apresentaram na capital paraense.

Segundo informações do Extra, a cantora teve uma reunião com o guitarrista, nesta sexta-feira (29), em Belém, que terminou com a saída da loira.

O motivo seria uma discussão que ambos travaram após um show realizado na cidade de Tibau (RN), no último dia 16.

O show teve um número pequeno de público e Ximbinha teria se irritado com Thábata por ela querer receber os fãs em seu camarim, um por um.

O guitarrista, então, foi embora e levou os músicos com ele.

Uma postagem chegou a ser publicada na página oficial da cantora, no Facebook, porém, foi deletada minutos depois.

Agora a dúvida é em relação aos próximos show da banda, em solo paraense, que já estão agendados: um em Senador José Porfírio, neste sábado (30), e outro em Cametá, no dia 10 de fevereiro.

A notícia rapidamente virou assunto nas redes sociais.

Embora a loira tenha removido a postagem sobre a sua saída, o fotógrado Paulo Eduardo, responsável por um ensaio recente de Thábata, comentou sobre o assunto em seu perfil no Instagram.

Horas mais tarde, no perfil de Thábata, foi compartilhada uma postagem feita pelo seu assessor de imprensa, Maxsuel Praxedes, falando sobre o fim da dupla, desconstruindo a imagem que se tinha da parceria em suas primeiras semanas de atividade.
(DOL com informações do Extra)

Santarém: Motorista perde o controle do carro e bate em Arvore na Presidente Vargas

Mais um acidente de trânsito foi registrado na noite de de Sexta para Sábado na cidade de Santarém, segundo as informações repassadas a nossa equipe de  reportagem. O fato aconteceu na Avenida Presidente Vargas, nas divisas dos bairros Mapiri e Liberdade.

Relatos de testemunhas dão conta de que o condutor do carro estaria em alta velocidade e com sintomas de embriagues, segundo nossas fontes ele teria perdido o controle do carro e bateu em uma mangueira, nas proximidades do restaurante Mariscada.

Depois do sinistro viatura do SAMU esteve no local para conduzir a vitima até o PSM, mais ele se negava em ser atendido, ele estava com um corte na perna e outro no rosto.

Fonte : Elias Junior Noticias

Santarém: Suicídio ou Homicídio ! Mulher morre com pescoço enrolado em rede no bairro do Uruará

Na noite de Sexta feira (29), por volta das 23 : 14 minutos a Policia Militar foi acionada através do NIOP , por um médico que estava de plantão no Pronto Socorro Municipal, para verificar uma ocorrência no PSM, segundo relatos uma mulher de nome Maria Rosilene Conceição dos Santos, teria já chegado sem vida no PSM e estava com hematomas no pescoço, ela teria sido conduzida até o Pronto Socorro pelo seu marido, de nome Joerbert dos Santos Guimarães de 19 anos de idade, mais já teria chegado morta no local.

As informações são de que o medico que estava no setor de reanimação, visualizou a vitima, e achou estranho os hematomas que ela tinha no pescoço e não pensou duas vezes em avisar a policia sobre o fato. O comandante da Guarnição nos informou que o fato aconteceu no bairro do Uruará, e que segundo relatos do próprio marido da vitima, antes do fato eles teriam tido um desentendimento e que ele teria saído de casa e quando retornou por volta das 19 : horas, ele teria a encontrado enrolada pelo pescoço em uma rede fora do quintal da residência. Depois disso ele relatou a policia que pediu ajuda ajuda a um cidadão que reside dentro da propriedade para levar a esposa até o Hospital.

Fonte : Elias Junior Noticias

Belém: Vigilante em serviço é assassinado com 13 tiros Homicídeo em Águas Lindas : Ele foi abordado por três homens a pé, enquanto fazia a ronda no bairro

O vigilante Ewerton da Costa Santos foi assassinado a tiros, enquanto trabalhava, na rua Edson Matoso, bairro Águas Lindas, limite dos municípios de Belém e Ananindeua. Ele estava fazendo a ronda motorizada e foi abordado por três homens a pé, que foram vistos por testemunhas, segundo policiais civis e militares. A vítima foi alvejada com 13 tiros, a maioria na cabeça, e os disparos foram ouvidos por quase toda a vizinhança. O trio fugiu deixando o corpo e a moto do vigilante para trás.

Ewerton trabalhava numa empresa de segurança particular e estava uniformizado. O delegado Lenoir Cunha, da Divisão de Homicídios, que iniciou as investigações junto com a Delegacia do Julia Seffer, trabalha com a hipótese de execução pela profissão da vítima, que podia ameaçar os três envolvidos no assassinato. Alguns pertences do vigilante foram levados, com exceção do celular, colocando latrocínio como uma hipótese considerável. Até agora ninguém foi preso.

Quem tiver informações que possam ajudar na identificação dos assassinos de Ewerton, pode ligar para o Disque-Denúncia (181). O informante não precisa se identificar e a ligação é gratuita.
O liberal

Suspeitos de triplo homicídio são transferidos em Altamira Transporte foi feito pelo Grupamento Aéreo de Segurança Pública

Um avião do Grupamento Aéreo de Segurança Pública do Estado (Graesp) transportou, nesta sexta-feira (29), do município de Altamira a Belém, Henrique Buchinger e três suspeitos de envolvimento no triplo homicídio ocorrido,  no dia 7 de mês, naquela cidade localizada no sudoeste paraense. Foram mortos Luis Alves Pereira, Irma Buchinger Alves e Ambrósio Buchinger. Henrique, filho do casal morto, e os outros envolvidos, saíram às 11h do Centro de Recuperação de Altamira, e chegaram às 13h na capital.

A Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado (Susipe) solicitou a transferência dos presos após decisão judicial. Henrique Buchinger foi levado para o Centro de Recuperação do Coqueiro (CRC), em Ananindeua, enquanto que os demais serão encaminhados ao Presídio Estadual Metropolitano II (PEM II), em Marituba.

De acordo o delegado Vinicius Dias, além de Henrique, foram transferidos, Francisco Denis Leite, Aguinaldo Soares (conhecido como Andrade e apreendido em Itaituba) e Mateus de Oliveira Costa. O delegado afirmou que o prazo para as prisões é de 30 dias e frisou que os trabalhos continuam mesmo com a apreensão dos sete supeitos de participação no crime. 'Vamos continuar com as diligências e interrogatórios e ainda temos novas cautelares a cumprir', disse.

O sétimo envolvido e que já está custodiado em Altamira, Renato Silva e Silva, deverá ser transferido à capital paraense na próxima semana. Maykon Paiva, preso em Ananindeua no dia 26, e Anderson Goes Moraes, que se entregou à policia na última segunda-feira (25), também já estão à disposicao da justiça.
O liberal

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Castanhal: Vestidos com uniformes, assaltantes roubam escola um deles morre

Uma tentativa de assalto terminou com um criminoso morto e um policial militar baleado, na noite desta sexta-feira (29), em Castanhal, no nordeste paraense.

Vestidos com o uniforme da Escola Cônego Leitão, os assaltantes entraram facilmente no local e, em seguida, roubaram os professores.

O integrante do bando que morreu durante a troca de tiros com os policiais foto abaixo

Durante a fuga da escola, o grupo encontrou com uma viatura da Polícia Militar que passava no momento.  Houve troca de tiros e um policial foi baleado.  Um dos criminosos acabou morto.

Emerson Thiago Monteiro, 25 anos;  Jackson da Silva, 19 anos; Jessica Pinheiro Costa, 24 anos e Jhonata Nascimento Barbosa, 20 anos, foram presos pelos policiais militares.

(Antônio Santos/DOL com informações de J.R Avelar/Diário do Pará)

Breves: Em operação, polícia fecha pontos de jogos de azar, Três locais foram interditados por conta da operação intitulada 'Zebra'

Três pontos de prática de jogo de azar em Breves, na ilha do Marajó, foram fechados pela Polícia Civil durante a operação nomeada como 'Zebra'. No local, foram apreendidos dinheiro, computadores, cartas de baralho, máquinas para leitura de cartões de crédito e débito e calculadoras.

A operação foi deflagrada a partir de denúncia feita por um homem que teria acertado uma aposta, porém o proprietário de uma das bancas de jogo do bicho estaria se negando a pagar o dinheiro referente ao prêmio. Com base nessa denúncia, uma equipe policial foi ao local apurar os fatos e ali constatou que o jogo do bicho era explorado no local de forma sofisticada. 'Era possível até o pagamento em cartão de débito', detalhou a delegada Renata Gurgel, da Superintendência da Região do Marajó Ocidental.

Os policiais também estiveram em outros dois locais, próximos do primeiro, nos quais verificaram as mesmas práticas ilegais. Computadores, planilhas de apostas e anotações de ganhos foram apreendidos.

Um dos locais era administrado por um grupo de pessoas em sociedade da qual fazia parte o colombiano Jorge Ivan Montoia, que é apontado como praticante de agiotagem e acusado de financiar parte do tráfico de drogas junto com familiares também colombianos na região de Breves.

Montoia tem autorização de permanência no Brasil até outubro deste ano. Além de Montoia, foram autuados por prática de contravenção penal de jogos de azar Helton de Oliveira Bezerra, Odair Oliveira Alcântara e Daniele Vieira dos Santos, responsáveis pelos outros pontos de jogo de bicho.
O liberal

Belém: Trio mata vigilante com 13 tiros no bairro de Águas Lindas Polícia acredita em caso de execução por conta da profissão da vítima

O momento é de insegurança na rua Edson Matoso, no bairro de Águas Lindas, em Belém. O vigilante Ewerton da Costa foi cercado e assassinado por três homens, enquanto trabalhava na área.

Testemunhas apontaram que os assassinos chegaram ao local a pé, abordaram o vigilante e efetuaram os 13 disparos, que, de acordo com policiais civis e militares, atingiram, principalmente, a cabeça da vítima. Logo em seguida, o trio fugiu e levou alguns pertences do vigilante, que estava de serviço por uma empresa particular de segurança.

O delegado Lenoir Cunha, da Divisão de Homicídios, iniciou as investigações com a Delegacia do Julia Seffer e trabalha com a hipótese de execução pela profissão da vítima.

Quem tiver informações que possam ajudar na identificação dos assassinos de Ewerton, pode ligar para o Disque-Denúncia (181). O informante não precisa se identificar e a ligação é gratuita.
O liberal

Protestos em Santarém marcam audiência pública sobre Hidrelétrica de São Luiz do Tapajós Procurador federal Luís de Camões Lima Boaventura presidiu audiência que foi realizada na Aces

Protestos organizados por ativistas marcaram a abertura da audiência pública sobre irregularidades e possíveis impactos da hidrelétrica de São Luiz do Tapajós, na tarde desta sexta-feira, 29, no auditório da Associação Comercial e Empresarial de Santarém (ACES). A audiência iniciou às 14h, sob vaias e gritos de ordem dos ativistas.
O evento aconteceu sob responsabilidade do Ministério Público Federal (MPF). Promotores pesquisadores e representantes do MPF e de comunidades indígenas e ribeirinhas compuseram a mesa de debate.
Participaram do encontro representantes da sociedade de Santarém e região, movimentos sociais, organizações indígenas e de povos tradicionais, universitários, associações de classe, associações comunitárias, dentre outros.
Também participam da audiência representantes do Ministério de Minas e Energia (MME), do Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), da Fundação Nacional do Índio (Funai), da Centrais Elétricas do Brasil (Eletrobrás), das prefeituras de Santarém, Belterra, Aveiro e Itaituba, do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), do Poder Legislativo (federal, estadual e municipais) e do Poder Judiciário federal (Santarém e Itaituba), além da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Subseção de Santarém.
Uma faixa afixada atrás da mesa de debates expressa a seguinte frase: “Demarcação sim, hidrelétricas não!”. Em meio à superlotação do auditório da ACES, ativistas gritavam palavras de ordem, como: “Audiência falsa”.
Em tentativa de acalmar os ânimos dos ativistas, o procurador federal Luís de Camões Lima Boaventura pediu ordem no auditório, porém, os ativistas gritavam palavras de ordem, como: “Cala a boca, cala a boca”. Minutos depois, a audiência iniciou.

Para o coordenador da Frente em Defesa da Amazônia (FDA), padre Edilberto Sena, a manifestação deu a entender que foi feita por pessoas com a intenção de boicotar a audiência pública. “A manifestação deu a entender que foi gente que foi mandada para boicotar o debate. São pessoas que não pensam direito e não tem consciência dos impactos que essa hidrelétrica irá causar”, censurou o religioso.
Sobre a construção do empreendimento, padre Edilberto argumento que a audiência não pode ser considerada uma vitória dos povos da região. “Ainda não digo que a audiência é uma vitória do povo do Tapajós. Mas, é o momento para irmos à luta em busca da vitória. Agora, a informação é o primeiro passo para as autoridades darem conta de que essa desgraça de hidrelétrica não vai servir para os povos da região e ainda vai destruir o meio ambiente”, comentou o padre.
O presidente da OAB/ Santarém, Dr. Ubirajara Bentes Filho, entendeu que a manifestação foi um marco da resistência contra a construção da hidrelétrica no rio Tapajós. “A manifestação foi algo natural dos povos que serão impactados com a construção da hidrelétrica. Sendo um marco da resistência contra a construção dessa usina em São Luiz do Tapajós”, ressaltou Dr. Ubirajara Bentes Filho.
Fonte: RG 15/O Impacto

Morto em Maracanã após suposta troca de tiros

Um homem de 29 anos, morreu após ser atingido por um tiro no peito, desferido por um policial militar após suposta troca de tiros. O caso aconteceu na tarde de ontem, em Maracanã, no nordeste paraense. Ele foi identificado como Valdeci dos Santos Martins.

O sargento PM Marinho, comandante do destacamento de Maracanã, disse ao DIÁRIO que ontem, por volta do meio-dia, soube que 2 homens pretendiam assaltar a agência dos Correios de Maracanã. Um grupo formado por policiais civis e militares foi ao local. Já nos primeiros minutos da tarde, 2 homens foram vistos chegando em um barco.

Eles teriam se aproximado e forçado a porta que dá acesso ao prédio dos Correios. “Nesse momento demos voz de prisão e um dos suspeitos atirou pelo menos 2 vezes em nossa direção. Revidamos e o rapaz foi baleado. Caiu próximo da orla”, contou o sargento Marinho.

Valdeci, ainda com vida, de acordo com o militar, foi socorrido e conduzido ao hospital público de Maracanã, mas não resistiu aos ferimentos. Em poder dele, conforme relato do soldado Marinho, foi apreendido um revólver calibre 38 com 2 munições deflagradas e outras 3 intactas.

O comparsa de Valdeci, que ainda não foi identificado, conseguiu fugir pelo mangue. A missão contou com a participação dos sargentos Marinho, Rodinilson, cabo Noronha e soldado Mafra, todos da Polícia Militar. O delegado Fábio de Andrade Pereira e o investigador Gilson, da Polícia Civil do município, também participaram da operação.

(Tiago Silva / Diário do Pará)

Colonos concordam em abrir a BR 230 de 12 em 12 horas



A reportagem do blog e do Jornal do Comércio esteve há poucos instantes no local que se encontra interditado produtores rurais, na BR 230 (Transamazônica).Em conversas com lideranças do movimento e com o vereador João Paulo, que acompanha tudo desde a organização, a interdição vai continuar até que haja alguma medida concreta por parte da Celpa.A interdição que começou a uma hora da tarde de última quarta-feira, a partir das três hora da madrugada de ontem mudou-se para a Transamazônica, próximo a EETEPA.Ontem a Polícia Rodoviária Federal esteve no local, conversando com as lideranças, quando foi negociado que o tráfego passaria a ser liberado por meia hora, a cada 12 horas.Às 18h00 de hoje será permitida a passagem de todos os veículos que se encontram retidos nas barreiras, durante trinta minutos.O vereador João Paulo informou que uma representação dos manifestantes foi à Celpa na manhã de hoje, onde ainda se encontra, para reunir com a gerência local da empresa, que está em contato com a direção da mesma em Belém.Até este momento, nada de prático foi feito pela Celpa, que se limitou a reiterar que a obra de implantação da energia do programa Luz Para Todos para as comunidades da região de São Benedito, responsáveis pelo ato de interdição, está agenda para começar nos primeiros dias de março deste ano.A informação mais recente desse encontro dá conta de que a Celpa assumiu o compromisso de expedir a ordem de serviço no dia 1º de fevereiro, com o início dos trabalhos da implantação do programa nos locais reivindicados marcado para o dia 1º de março.Ocorre, que os produtores rurais não querem saber apenas do cronograma daempresa. O que eles exigem é que seja expedida a ordem de serviço para que a obra comece.Muitos carros encontram-se parados no bloqueio da rodovia, e o que se pôde observar no geral foi que mesmo as pessoas que precisam ir para suas propriedades estão apoiando o movimento, por considera-lo justo.João Paulo, acompanhado de mais lideranças do momento, vai estar no programa O Assunto É Este, amanhã, falando sobre a interdição.jota parente fonte



Belém: Assaltos terminam em tiroteio e morte

A manhã de ontem (28) foi de muita tensão para os moradores dos conjuntos Maguari e Satélite, em Belém. Um trio armado estaria praticando assaltos na área. Os suspeitos tentaram fugir, trocaram tiros com policiais e um homem, ainda não identificado, acabou baleado e morto por um desconhecido. Hendreo Lobo Gomes, de 28 anos, foi preso em flagrante e reconhecido por suas vítimas. O terceiro envolvido está foragido. O caso foi registrado na Seccional Urbana de Icoaraci.

A primeira vítima do trio estava se preparando para sair de moto que estava estacionada na Alameda 12 do Conjunto Maguari, quando foi abordado por 2 homens: um era Hendreo e o outro o rapaz que seria morto pouco tempo depois. No entanto, o contato da moto travou enquanto Hendreo tentava sair com o veículo e a ele acabou desistindo do roubo.

“Ele jogou a moto no chão e eles correram. Nisso já vi o terceiro passar por mim e correr também”, relatou a primeira vítima, que pediu para não ser identificada.
Os 3 suspeitos fugiram pela passagem Xingu, que liga o Conjunto Maguari ao Conjunto Satélite. Ali, a segunda vítima foi abordada. “O Hendreo me abordou e saiu pilotando a moto. O que morreu tinha embarcado no carona e saíram. Eu não vi ele armado, mas os outros 2, quando se aproximaram de mim, vi que estavam armados e disseram que iam dar um tiro na minha cara se eu não saísse da moto”, relatou a segunda vítima, que usa a moto em seu trabalho.

Essa vítima contou que, logo depois pegou um mototáxi e perseguiu os assaltantes, até avistar uma viatura da Polícia Militar. Os militares foram acionados. Ao todo, 3 equipes da Polícia Militar participaram da operação.

De acordo com o capitão PM Lima Neto, Hendreo havia abandonado a direção da moto para fugir a pé por uma rua que dá acesso do Conjunto Maguari ao Tenoné. No entanto, ele foi alcançado por uma das guarnições e preso. Enquanto isso, o comparsa que estava de carona assumiu a direção e seguiu fuga em direção ao Conjunto Maguari, onde havia feito a sua primeira vítima.

Lá, segundo Lima Neto, ele teria sido baleado por uma pessoa ainda não identificada. Atingido, continuou pilotando a moto até invadir uma residência na Alameda 23, para se esconder. Uma viatura fechou o cerco em cima do homem que, armado, teria atirado contra os policiais, segundo o cabo PM Paz.

O homem chegou a ser socorrido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Augusto Montenegro, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Ele usava uma pistola calibre 32. Já o terceiro envolvido, que ainda não foi identificado, conseguiu fugir pilotando uma moto.

(Emily Beckman / Diário do Pará)

Marituba: Homem é preso após abusar e matar menino de 11 anos Michael Kildere Machado da Silva, 25 anos, confessou o crime ocorrido no no dia 23 de janeiro

Michael Kildere Machado da Silva, 25 anos, foi preso ontem (28), na rua João Batista, no loteamento Almir Gabriel, em Marituba, na Região Metropolitana de Belém. O homem é apontado como autor da morte de um menino de 11 anos, no dia 23 de janeiro. A prisão foi realizada por policiais civis da Divisão de Homicídios sob coordenação da delegada Cristina Esteves. Em depoimento, o acusado confessou o crime. Os policiais também localizaram a faca usada por Michael para matar a criança, que também foi abusada sexualmente em um terreno perto de um campo de futebol.

O caso chegou ao conhecimento da Polícia Civil, no último dia 23, quando os familiares da vítima estiveram na Divisão de Homicídios para registrar o boletim de ocorrência sobre o desaparecimento da criança. No mesmo dia, policiais civis da DH passaram a fazer diligências visando localizar o menino até que, no dia 25, uma ligação do Centro Integrado de Operações (CIOP) deu conta da localização do corpo de uma criança. Os policiais civis da DH foram ao local. O menino foi reconhecido pelas vestes, pois o cadáver já estava em adiantado estado de putrefação.

Ainda, de acordo com a delegada, a vítima apresentava marcas de perfuração pelo corpo. No decorrer das investigações, os policiais civis da DH levantaram informações na área até chegar ao pai do acusado que levou os policiais até a casa do suspeito, que foi preso e levado para prestar depoimento. Michael confessou o crime. Ele contou que conhecia de vista o menino e que, naquele dia 23, por volta de 13h, resolveu convidá-lo para ir até o terreno. O acusado contou ainda que havia consumido drogas momentos antes.

Ali no local, segundo versão do acusado, teria feito um ato sexual consentido com o menino. Mas depois, Michael alegou que teria ficado com medo de que a criança falasse algo sobre o que havia ocorrido no local e resolveu matar o menino. Primeiro, aplicou um golpe nas costas e, depois que o menino caiu no chão, aplicou outros golpes no peito. Ele usou uma faca que costumava levar consigo para catar frutas no terreno. Michael foi autuado em flagrante por homicídio qualificado e estupro de vulnerável e depois recolhido provisoriamente na Central de Triagem do Sistema Penitenciário de São Brás em Belém.
O liberal

"FILHA NÃO TEM NADA A VER COM A MORTE DOS PAIS E IRMÃO, ELA FOI MANTIDA VIVA PARA SER O ÁLIBI DO IRMÃO". DISSE DELEGADO QUE INVESTIGA O CASO NA CIDADE DE ALTAMIRA

Com sete acusados presos, sendo um deles da família, as investigações sobre o assassinato dos empresários Luís Alves Pereira e Irma Buchinger Alves, e seu filho mais velho Ambrósio Buchinger Neto continuam e uma nova peça sobre o crime foi divulgada em coletiva de imprensa realizada na tarde desta quarta-feira (27), em Altamira, oeste do Pará.

O delegado Vinicius Dias, responsável pela investigação do caso, disse que Chiara Buchinger, filha do casal que saiu viva do triplo homicídio, não foi assassinada com o objetivo de Henrique Buchinger Alves, suspeito de envolvimento nas mortes, manter a irmã como álibi.

Na coletiva, foi esclarecido como foi a participação de cada um dos envolvidos no crime. Anderson Moraes e Aguinaldo Soares invadiram a residência, onde renderam Henrique por primeiro. Mateus de Oliveira Costa foi responsável por deixar os bandidos no local e pela fuga. 

Estão presos ainda Renato Silva, Maykon Irlan Paiva de Souza e Francisco Denis Leite.

Mesmo negando que tenha participado da morte dos pais e do irmão, Henrique é acusado por um dos presos pelo homicídio. No dia do assassinato, ele ficou preso com a irmã dentro do banheiro, mas foi retirado pelos bandidos em um momento, quando viu a mãe morrer, em seguida voltou para o cômodo.

Cinco acusados do crime estão em Altamira e dois em Belém, todos ficarão na capital paraense. Os que estão no município em que o crime ocorreu estariam sendo ameaçados de mortes por outros presidiários.

As prisões realizadas até o momento são temporárias.

Fonte: DOL

Ananindeua: Vigilante é executado com 13 tiros durante serviço

Um vigilante foi assassinado com mais de 10 tiros na madrugada desta sexta-feira (29), no bairro de Águas Lindas, Ananindeua. Segundo testemunhas, Everton dos Santos Costa estava trabalhando quando foi alvejado.

O crime ocorreu na passagem Aldebaro Klautau. Ele trabalhava de motocicleta quando foi abordado por três suspeitos, que alvejaram a vítima, fugindo em seguida. Everton morreu no local.

Peritos do Instituto Médico Legal (IML) que foram até a cena do crime para remover o corpo encotraram 13 perfurações de bala na cabeça, ombro e costas da vítima.

O caso será investigado pela Divisão de Homicídios do município.

(DOL com informações de Elizabeth Teixeira/RBA TV)